Cultura

Nina Santos

Centro Cultural Frei Civitella retorna com espetáculo gratuito a partir desta sexta-feira (15)

Por Heberton Silva, postado em 11/01/2021
Fotos Divulgação

Após um período fechado por conta da pandemia do novo coronavírus, o Centro Cultural Frei Civitella, em Campo Grande, voltará às atividades, seguindo os protocolos de segurança. A estreia será marcada com o espetáculo "A Sagração da Primavera", nesta sexta-feira (15), às 19h30. A peça continua no sábado (16) e domingo (17), sempre às 19h. A atração é realizada pela Ehioze Cia de Dança e conta a história de uma jovem que é eleita para ser sacrificada como oferenda ao deus da primavera em um ritual primitivo que tem como objetivo garantir uma boa colheita para sua tribo.

As sessões são presenciais, respeitando os protocolos de prevenção à Covid-19, portanto, com limite de público. A reserva de ingresso precisa ser feita pelo site www.sympla.com.br/asagracaodaprimavera. Todo o projeto está sendo patrocinado pela Prefeitura de Cariacica, por meio da Lei de Incentivo à Cultura João Bananeira. 

“Trata-se do sacrifício de um indivíduo em favor de um coletivo. Neste sentido, penso que a obra dialoga com o nosso tempo quando vemos o sacrifício diário de mulheres vítimas de feminicídio, de LGBTQI+ e de jovens pretos e periféricos assassinados brutalmente. O sacrifício diário dos mais fragilizados em ‘favor’ de uma ‘ordem’ para o coletivo, seja ele o coletivo machista ou o poder social e econômico estabelecido", explica o coreógrafo Gil Mendes.

Apresentada por seis bailarinos, a atração é resultante do processo de pesquisa de artistas capixabas na busca da ressignificação das relações com o ambiente externo, como prédios, praças e natureza, desenvolvendo, a partir dos movimentos rotineiros, novos compostos artísticos na descoberta do olhar para o “novo eu”. “Trataremos no palco as sensações crescentes de calmaria e beleza da primavera até a sensação de dor e desespero visando a fuga do sacrifício”, afirma a bailarina Cassia dos Santos.

Oficinas

A partir da remontagem de “A Sagração da Primavera”, foram criadas duas oficinas presenciais que serão ofertadas de forma gratuita por integrantes da Ehioze Cia de Dança nos dias 16 e 17 de janeiro. Ao todo, são 20 vagas, direcionadas para qualquer pessoa de 15 a 29 anos que tenha interesse no universo da dança. A primeira delas será sobre dança afro, com o bailarino e um dos diretores da companhia, Jordan Fernandes.

Já a segunda terá como temática a “performance em tempo de ruína”, com o bailarino e gestor cultural Mattheus Schirffimaan dando orientações sobre como recriar na dança movimentos rotineiros, como os simples atos de olhar, pegar, abaixar, sentar e levantar.

As inscrições são feitas pelo site www.sympla.com.br/asagracaodaprimavera.

Serviço:

“A Sagração da Primavera”

O quê: Espetáculo presencial da Ehioze Cia de Dança

Quando: Dia 15 de janeiro, às 19h30, e dias 16 e 17, às 19h

Onde: No Centro Cultural Frei Civitella Del Tronto (Av. Expedito García, 218, Campo Grande, Cariacica)

Quanto: Gratuito. É necessário fazer a reserva de ingresso pelo www.sympla.com.br/asagracaodaprimavera, já que há limite de público.

Classificação etária: Livre.

banner